Silvana Duarte

É bailarina profissional com formação em balé clássico, moderno e jazz na década de 80 pelo Ballet Lina Penteado e Iris Ativa-Dança com Liliana Spoto, Rosana Presente e Penha de Souza, e steps – Espaço de Dança com Rose Calheiros. Nesse período trabalhou com o grupo Arlete Cervone ao lado do bailarino e coreógrafo Alonso Barros em Campinas. Iniciou as práticas de Yoga ainda na década de 80, concluindo duas formações pelo Instituto de Yoga Clássico em Campinas (1996) e FMU em São Paulo (2007). Fez formação em Reeducação do Movimento com Ivaldo Bertazzo (2007) e iniciou formação em Coordenação Motora na metodologia de Piret e Béziers em São Paulo (2017). Em 1993 fez sua primeira viagem à Índia e para lá voltou em 1995 para iniciar sua formação em dança Odissi, morando em gurukula, escola-comunidade Nrityagram – The Dance Village em Hessaraghata, distrito rural de Bangalore, sul da Índia. De 1995 a 1998 recebeu treinamento com guru Protima Bedi, guru Ramani Ranjan Jena e com as professoras Bijayini Satpathi e Surupa Sen. Em 1998 passou a estudar no Triveni Kala Sangan Theater em Delhi sob os cuidados de guru Ramani R. Jena. Em 1999 passou a estudar com Sharon Lowen, sua guru até hoje. Entre 2011 e 2017 fez períodos de treinamento e imersão em repertório coreográfico com guru Aruna Mohanti, Yudistir Nayak, Sujata Mohapatra e Ratikant Mohapatra. Estudou filosofia bhakti e Natya Shastra com Smt. Kamalini Dutta e teoria da dança com Sri Rahul Acharya.

 

Iniciou carreira como bailarina solista de Odissi com apresentações completas de repertório em 1998 em palcos profissionais na cidade de Campinas. Em 2001 fez sua primeira apresentação em São Paulo no icônico teatro São Pedro com a produção “Surya – A Índia em sua Dança Clássica” concebido e produzido por ela. Essa produção apresentou-se em palcos de renome em cidades Brasileiras como São Paulo, Curitiba, Fortaleza, João Pessoa entre outras. A mesma produção apresentou também em Medonza (Argentina) e também na cidade de Delhi, dessa vez com orquestra ao vivo no prestigioso teatro do “India Habitat Center”. Em 2005 concebeu e produziu o espetáculo solo “Bhumi – Mãe terra” com apresentações em inúmeras cidades do Brasil, Lima (Peru) e em Delhi, no “The Five Sense Garden” com orquestra ao vivo organizado e produzido pelo Indian Council for Cultural Relations (ICCR). Em 2006 apresentou a produção “Mahadevi Upasana”, um espetáculo sobre a Mãe Divina, concebido e coreografado por guru Sharon Lowen, no Russian Theater em Delhi, organizado também pelo Indian Council for Cultural Relations (ICCR). Em 2009 concebeu e produziu o espetáculo “Padma Nabhan” que percorreu várias cidades Brasileiras. Fez algumas apresentações intimistas ao lado de sua guru Sharon Lowen em delhi e participou, juntamente com o o Nrityagram Essemble, de apresentação no festival VassantaHabba, o famoso “Woodstock da Índia”, para um público de 30 mil pessoas no anfiteatro do Nrityagram em Hessaraghata, Bangalore.

 

Começou a ministrar aulas de dança Odissi em 1998 na cidade de Campinas. Em 2001 já na cidade de São Paulo passou a atuar mais ativamente no ensino por meio de palestras-demonstrativas em vários Sescs, programas culturais da cidade, bem como em centros de cultura indiana. O Padmaa – Arte e Cultura é concebido como iniciativa para a promoção, difusão e estudo do Odissi na cidade de São Paulo. Em 2011 participou ativamente no planejamento e abertura do Centro Cultural da Índia em São Paulo, a convite do Consulado Geral da Índia com quem já mantinha parceria desde sua inauguração em 1998. Passou a ministrar programas de formação básica no centro de 2011 a 2020 como professora sênior, atuando também na organização de programas culturais. Trabalhou ativamente na produção de atividades artísticas para a Semana Gandhi organizada e realizada pela Associação Palas Athena representação da UNESCO no Brasil. Silvana recebeu homenagens com distinção para sua atuação como artista e promovedora da cultura indiana, pelo Indian Council for Cultural Relations em Delhi, pelo Consulado Geral e Embaixada da Índia.

 

Desde 1998 Silvana Duarte fez centenas de apresentações solo, palestras-demonstrações, workshops, bem como ensinou algumas centenas de alunos que passaram por ela desde então. Atualmente Silvana se dedica em coordenar o programa interdisciplinar dos cursos de capacitação, formação básica, completa e aprofundada de Odissi, juntamente com mais oito profissionais convidados por ela, do Brasil e da Índia.